Amanhã tem eleição, mas poderia ser hoje

Amanhã tem eleição, mas poderia ser hoje,
e o Brasil inteiro vai votar no presidente,
e a cara do Brasil, não sei porque, vai mudar,
assim como mudou a cara do eleitorado.

Alguns ainda vão votar inconformados
sem alegria da democracia no coração
de viver a democracia sem entender
e ver o voto apenas como uma obrigação

A obrigação existe, contudo ela é inerente
a liberdade de escolher este ou aquele
candidato, esta ou aquela ideia de plataforma

E ao fim do dia, sem entender muito bem, o ciclo
– o velho ciclo da renovação – se completa
e podemos constatar que a cara do CARA mudou.

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR
nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...