Anunciados os vencedores da Mostra Nacional de Cinema; Mato Grosso presente

Evento no Cine Odeon recebeu cineastas e profissionais da área que conheceram os ganhadores e destaques da primeira edição; ‘Filhos da lua na terra do sol’, produção mato-grossense de 2016, direção de Danielle Bertolini, foi um dos participantes

Da Assessoria | O Sesc anunciou na noite desta quinta-feira, no Cine Odeon, no Rio de Janeiro, os vencedores da primeira edição da Mostra Sesc de Cinema. Na ocasião, foram apresentados ao público os nomes dos 34 filmes selecionados, que nos próximos dois anos serão exibidos em todo o país, além dos destaques nas categorias roteiro, direção de fotografia, desenho de som, direção de arte, direção de elenco, montagem e direção (ficção e documentário).

“Nosso objetivo é promover a difusão da produção cinematográfica brasileira que não chega ao circuito comercial de exibição. Com a Mostra, o Sesc também cumpre uma missão importante da atuação na área cultural, que é democratizar o acesso dos cidadãos ao cinema, além de permitir que artistas e cineastas de todo o Brasil possam mostrar seus trabalhos”, destaca a técnica de Cultura, Nadia Moreno.

O grande destaque da noite foi ‘Ilha’, do município de Cuité, na Paraíba. O filme foi indicado como destaque para todas as categorias e ganhou três prêmios: direção de fotografia, com Bruna de Sales, direção de elenco e direção de ficção, com Ismael Moura. O curta narra a história de pai e filho que vivem isolados do mundo. “É uma honra receber um prêmio como esse, com tantos representes e concorrentes importantes, e poder mostrar o nosso trabalho para todo o país”, destacou Ismael, que também é responsável pelo roteiro, argumento e pesquisa do filme.

Os outros destaques por categoria foram: melhor roteiro, Levino (Brasília-DF), de Gui Campos, David Alves e Ana Hoeper; desenho de som, O Último Retrato (Curitiba-PR), com Arthur Tuoto; direção de arte, Solon (Belo Horizonte-MG), com Luiz Roque e Thais de Campos; montagem, Enzo (Anápolis/GO), com Hugo Crisóstomo; e direção documentário, Limpam Com Fogo (São Paulo-SP), com Cesar Vieira, Conrado Ferrato e Rafael Crespo. Entre os estados, o Rio Grande do Sul e São Paulo foram os que tiveram o maior número de filmes incluídos na Mostra Nacional, quatro cada um.

No total, a primeira edição da Mostra Sesc de Cinema recebeu 1.250 inscrições. Para a próxima edição, as inscrições estarão abertas no período de 1º de agosto a 1º de outubro de 2017, e poderão ser feitas por meio do portal www.sesc.com.br/mostradecinema .

Confira abaixo todos os 34 selecionados por estados:

Centro Oeste

Filhos da Lua na Terra do Sol (MT)
Catadores de História (DF)
Rosinha (DF)
Levino (DF)
A Dama do Rasqueado (MS)
Enzo (GO)

Nordeste

Carnavalha (MA)
Ilha (PB)
Tropykaos (BA)
Cores e Flores para Tita (BA)
Astrogildo e Astronave (BA)
Homens e Carangueijos (PE)
Ainda não lhe fiz Uma Canção de Amor (RN)
O Menino do Dente de Ouro (RN)

Norte

O Cacto (AM)
Pedaços de Pássaros (PA)
A Batalha de São Bráz (PA)
Banho de Cavalo (RO)

Sudeste

Matéria de Composição (MG)
Solon (MG)
Estado Itinerante (MG)
Hotel Cidade Alta (ES)
Orquestra Invisível Let´s Dance (SP)
Limpam com Fogo (SP)
O Melhor Som do Mundo (SP)
O Chá do General (SP)

Sul

O Último Retrato (PR)
Parque Pesadelo (PR)
O Estacionamento (PR)
Ruby (RS)
Lipe, Vovô e o Monstro (RS)
Central (RS)
Em 97 Era Assim (RS)
Meu Tio que me Disse (SC)

Share Button