Biblioteca Nacional já recuperou mais da metade de acervo danificado por vazamento de água em sua sede

Paulo Virgílio

A equipe técnica da Biblioteca Nacional já conseguiu recuperar mais da metade dos 2.042 exemplares de jornais e revistas atingidos pelo vazamento de água ocorrido no dia 2 deste mês no Armazém de Periódicos, localizado na sede da instituição, no centro do Rio. O vazamento foi causado por um defeito em um dos aparelhos do sistema de ar condicionado do prédio, que desde o incidente se encontra desligado.

De acordo com comunicado divulgado nesta quinta-feira, 17, pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN), 1.489 exemplares (46,3% do total afetado) continuam em processo de secagem e higienização, devendo retornar ao acervo à medida em que forem liberados pelos técnicos responsáveis pelo trabalho. Os 1.733 jornais e revistas recuperados já foram reincorporados ao acervo e podem ser consultados normalmente pelos usuários da biblioteca.

A FBN informou ainda já ter recebido o laudo da vistoria feita no último dia 7 por uma equipe do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) sobre as condições das instalações de ventilação e refrigeração do prédio da Avenida Rio Branco. De acordo com o laudo, o local da ocorrência não apresenta sinais de vazamento nas tubulações aparentes e a existência de possíveis fissuras de rosca nos aparelhos que serviam às áreas atingidas somente poderá ser determinada por meio de testes de pressurização.

Segundo a FBN, os testes de pressurização serão feitos no momento em que o sistema de ar refrigerado for religado, em data ainda a ser definida. No prédio, permanecem funcionando apenas os aparelhos de ar condicionado da sala-cofre, dos laboratórios de preservação e digitalização, do auditório e das salas de exposição, áreas que têm sistema independente.

Um exemplar do último mês de abril do periódico A Nova Democracia, publicado no Rio de Janeiro, foi a única perda em decorrência do vazamento. A Divisão de Depósito Legal da FBN já entrou em contato com a direção da publicação e deverá receber, nos próximos dias, outro exemplar.

viaBiblioteca Nacional já recuperou mais da metade de acervo danificado por vazamento de água em sua sede | Agência Brasil.

Share Button