Entre aspas: Justiça do RJ manda agente da Lei Seca indenizar juiz flagrado sem CNH

Do G1 Rio

Abre aspas: Cerca de três anos e meio depois de receber voz de prisão ao abordar um juiz em uma blitz da Lei Seca na Zona Sul do Rio, a agente da operação foi condenada a indenizar o magistrado por danos morais. Luciana Silva Tamburini processou o juiz João Carlos de Souza Correa, alegando ter sido vítima de situação vexatória. Porém, a Justiça entendeu que a vítima de ofensa foi o juiz e não a agente.

A decisão, publicada na última sexta-feira (31), foi tomada pelo desembargador José Carlos Paes, da 36ª Vara Cível do Rio de Janeiro. Ele entendeu que Luciana “agiu com abuso de poder, ofendendo o réu, mesmo ciente da função pública desempenhada por ele”. Fecha aspas.

><>Será que uma lei de abuso de autoridade vai resolver essa grave, gravíssima crise ética por qual nos brasileiros estamos passando? Não sabemos.

Juízes que se acham acima da lei, que desejam fazer ‘justiça’ a qualquer custo, como é o caso do juizeco do Paraná, Sérgio Moro, estão brotando por tudo quanto é lado, sem falar nesses casos absurdos.

No entanto, o que temos? Temos uma parte da população manipulada pela grande mídia que vai às ruas ‘defender’ as tais 10 medidas contra a corrupção e contra a lei de abuso de autoridade. Faça-nos o favor.

Fonte: G1 – Justiça do RJ manda agente da Lei Seca indenizar juiz flagrado sem CNH – notícias em Rio de Janeiro

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...