Entre Aspas: Lava Jato aponta Blairo Maggi como membro da organização criminosa chefiada por Temer

><>Veja  como é o destino. BM era considerado por muitos, inclusive Meu Peixe, com um pontecial nome à presidência da República. Mas não foi capaz de largar o osso naquele momento e se aventurar numa corrida presidencial, paralela à de Dilma Rousseff. Se disse fiel ao Lula e depois se aliou ao que há de pior na política brasileira que era o PMDB de Eduardo Cunha/mishell temer e agora é apontado como membro de organização… Ops, caiu de posto pois em 2017, quando da denuncia de Silval Barbosa, Janot apontava Maggi como chefe.

Por Alexandre Aprá, direto do Isso é Notícia | O ex-ministro da Agricultura e ex-governador de Mato Grosso, Blairo Maggi (PP), é apontado como membro do “núcleo político” da organização criminosa que, segundo a força-tarefa da Operação Lava Jato, é chefiada pelo ex-presidente da República, Michel Temer, preso na semana passada – e que conseguiu um HC revogando sua prisão nesta segunfa-feira (25).

A informação consta no pedido de prisão cautelar de Temer, apresentada pelo Ministério Público Federal e concedido pelo juiz federal Marcelo Bretas, do Rio de Janeiro.

Segundo o documento de 15 de março – ao qual o Isso É Notícia teve acesso, tem 383 páginas e é assinado por 11 procuradores da República da força-tarefa da Lava Jato -, Blairo é apontado como um dos líderes do PP, partido que, segundo o MPF, já compunha a organização criminosa, e foi agraciado com o cargo de ministro da Agricultura, logo após o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

O nome de Maggi aparece ao lado de outras figuras políticas poderosas como os ex-ministros Romero Jucá, Sarney Filho, Ricardo Barrros e Helder Barbalho e o ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi.

Leia mais: Lava Jato aponta que Blairo é membro da organização criminosa chefiada por Temer

Share Button