Glenn Greenwald narra – de forma precisa – os últimos momentos da nossa democracia em queda

O jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept Brasil, prêmio Pulitzer de Jornalismo, em sua participação no Democracy Now, dos EUA, narrando os momentos finais do processo de impeachment da Presidenta democraticamente eleita por 54,5 milhões de votos, comenta as diferenças de atitude de Dilma que foi se defender, em pessoa, no Senado, com a de michel temer, que pediu para não ser mencionado na abertura e não compareceu ao encerramento das Olímpiadas do Rio, com medo de vaias.

Assista ao vídeo:

Share Button