Governador Silval Barbosa diz que sociedade ganha com a formação de novos oficiais

A formatura de Aspirantes Oficiais da Academia de Polícia Militar Costa Verde de Mato Grosso, realizada nesta sexta-feira (23.11), contou com a presença do governador Silval Barbosa que autorizou o “último fora de forma” aos formandos da 16ª turma do Curso de Formação de Oficiais, batizada “Turma Marechal Antônio Maria Coelho”, herói da Retomada de Corumbá.

A cerimônia de formatura dos trinta novos aspirantes à oficiais teve início quando o governador Silval Barbosa passou em revista à guarda de honra. Na sequência aconteceu o desfile em deferência ao governador, comandante-em-chefe da Polícia Militar de Mato Grosso, com apresentação de tropa, passagem do estantarde símbolo da Academia e entrada da turma, ao som do dobrado “Rio Branco”, executado pelo Corpo de Música da Polícia Militar de Mato Grosso.

Ainda houve homenagens aos alunos que se destacaram com as melhores notas, devolução dos espadachins de cadetes e, por fim, a entrega das espadas aos formandos pelos padrinhos e madrinhas presentes, antes do último fora de forma.

O governador Silval Barbosa disse que a formação de 30 novos aspirantes à oficiais “é um ganho para a sociedade, quando se prepara pessoas em uma academica de alto nível, como é a Academia Costa Verde. Nós temos a certeza que estes oficiais, que vão estar nas ruas se preparando ainda mais, estão aptos para assumir comandos de outros soldados”.

Silval Barbosa transmitiu ainda seus cumprimentos parabenizando os professores e instrutores e lembrou que novas turmas vão se ingressar e outros oficiais vão se formar, “até porque estamos preparando novo concurso e precisamos de oficiais para comandar essas novas tropas”.

O secretário de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp), Diógenes Curado, destacou que não são apenas 30 novos oficiais e sim, “trinta novos oficiais muito bem qualificados, muito bem treinados. São três anos de uma formação muito intensa, dedicada, com bons professores, para colocar esse pessoal na rua e dar uma resposta positiva para a sociedade”, destacou.

O comandante Geral da Polícia Militar, coronel Osmar Lino Farias, explicou que os novos aspirantes vão passar por um período de estágio de nove meses e nesse período serão assistidos por oficiais mais experientes e aí sim serão promovidos ao primeiro posto de oficiais, que é o segundo-tenente e estarão prontos para comandar. Segundo Osmar Lino, o tenente é a grande força de trabalho, o oficial responsável por acompanhar todas as ocorrências. “Essa turma que hoje se forma, com outras que virão,representa um grande ganho para a Polícia Militar”, disse.

A Academia de Polícia Militar Costa Verde, sucessora do Centro de Instrução Militar, fundado em 1951, já formou mais de 460 oficiais em desesseis turmas. Atualmete conta com quase 180 alunos a oficiais e já foi autorizado pelo governador Silval Barbosa o ingresso de trinta jovens dos diversos estados do país. Entre os trinta novos formandos, uma aspirante é do Estado de Sergipe. Cel. Osmar Lino explica que essa prática é comum entre as Polícias Militares. “Os estados que ainda não tem sua academia formam seus oficiais em outros estados”, explicou.

Presenças – Estiveram presentes a primeira-dama e secretária de Estado de Promoção Social, Roseli Barbosa; o secretário-chefe da Casa Militar, cel. Ildomar Nunes Macedo; o comandante da Academia da Academia de Policia Militar, ten. cel. Otomar Pereira; comandante do 9º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC); comandante-Geral do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso, cel. Aderson José Barbosa, e José Carlos Dorti, paraninfo dos formandos, entre outras autoridades militares.

Fonte: Secom/MT

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR
nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...