Governo anuncia parceria com iniciativa privada para fortalecer a agricultura familiar

O governador Silval Barbosa anunciou nesta terça-feira (10.07) o estabelecimento de uma grande parceria com as entidades representativas do agronegócio em Mato Grosso para a realização de um programa que irá otimizar, fomentar e fortalecer a agricultura familiar. O anúncio aconteceu depois de uma reunião com representantes da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa) e Sicredi, no Palácio Paiaguás.

O Governo de Mato Grosso, junto às entidades do agronegócio, irá estabelecer uma comissão para desenvolver centros de formação profissionais voltados a agricultura familiar. Esses centros serão uma base de assistência técnica, de apoio para realização de projetos e na busca de financiamentos.

Como exemplo de linhas de financiamento que poderão ser usadas pelos pequenos agricultores, o governador Silval Barbosa citou o programa “Mais Alimento”, do Governo Federal, para aquisição de máquinas agrícolas, com prazo de financiamento de dez anos, com três anos de carência, com juros de 2% ao ano.

Silval lembrou que os prefeitos, nos finais de ano, fazem uma verdadeira corrida a Brasília (DF), para solicitar de suas respectivas bancadas emendas para aquisição de patrulhas mecanizadas e quando conseguem gira em torno de 10 a 15 patrulhas, para apoiar a agricultura familiar. Esse tipo de financiamento, diretamente ao pequeno produtor esse número de maquinário poderá multiplicar.

O governador disse que esse trabalho em parceria – governo e representantes da iniciativa privada – irá proporcionar um maior volume de recursos para agricultura familiar e, principalmente, mais agilidade. A agricultura familiar, destacou, é um segmento importante da economia mato-grossense e, com a estrutura necessária, será possível agregar alguns milhões de toneladas de alimentos oriundos a agricultura familiar.

Silval Barbosa, ao final, fez um rápido balanço das ações que o governo – em parceria com o Governo Federal – vem desenvolvendo como apoio na agricultura familiar. O primeiro ponto destacado foi o “Luz para Todos”, que teve como objetivo de assegurar o homem no campo; depois desenvolveu os programas de aquisição de equipamentos para manutenção das estradas; e na área de educação a entrega de ônibus escolares para as prefeituras realizarem o transporte de alunos filhos dos produtores. “Já foram entregues mais de 1.200 ônibus novos e queremos chegar a 2.400 ônibus, atendendo 100 por cento da renovação da frota”.

Ele também destacou o trabalho que o governo vem desenvolvendo quanto a regularização fundiária, que vem sendo um dos entraves ao acesso às linhas de financiamento junto as instituições oficiais. Silval disse que vem dialogando com as instituições financeiras para aceitar, quando o produtor não tiver a terra regularizada, o Estado como avalista, através de um fundo de aval, que também vai estar no programa a ser apresentando junto as entidades.

Participaram da reunião o secretário de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar, Carlos Milhomem, o presidente da Aprosoja, Carlos Fávaro, presidente da Famato, Rui Matos, superintendente de desenvolvimento da Central Sicredi MT/PA/RO,João Abdalla, e o deputado federal Neri Geller.

Fonte: Secom/MT

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...