Governo garante continuidade de atendimento

O Hospital São João Batista, localizado no município de Diamantino (distante 211 km de Cuiabá) tem seu funcionamento garantido pelo Governo do Estado. A definição aconteceu depois da reunião realizada na noite desta quarta-feira (17.04), no Palácio Paiaguás, entre o governador, secretário de Estado de Saúde, Mauri Rodrigues, prefeitos e lideranças políticas.

A formatação da gestão ainda será determinada. É desejo do governador Silval Barbosa que a mesma seja compartilhada entre o Estado e municipios, por meio do Consórcio de Saúde da Região Centro Norte.

Desde já estão garantidos a continuidade dos repasses por parte da Secretaria de Estado de Saúde (SES), a quitação dos atrasados e um aumento no valor dos novos repasses. O hospital de Diamantino é referência para a região do médio norte do Estado e atende a população de 11 municípios.

De caráter filantrópico, a mantenedora do mesmo, as denominadas Irmãzinhas, frente as dificuldades para gerenciar, vinha ameaçando fechar as portas. Com a iminência de fechamento, as lideranças da região recorreram ao governo do Estado pela estadualização do mesmo.

O presidente do Consórcio, prefeito de Diamantino, Juviano Lincoln, disse que o governador Silval Barbosa reafirmou o seu compromisso e que nunca pensou em suspender os repasses conveniados entre o Estado e entidade das Irmãzinhas. De forma parcela, até o final de junho, o Estado vai quitar os repasses atrasados, em torno de R$ 900 mil.

Na próxima segunda-feira (22.04), uma equipe técnica da SES irá até Diamantino, iniciar os estudos e planejamento para a transição de hospital filantrópico conveniado para hospital público. Apenas o modelo de gestão que não esta definido.

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR

Você pode gostar...