Os gatos subjetivos

Os gatos de Regina Deliberai
são muitos, lembrados, subjetivos
-Como as metáforas subjetivas
do poeta João Cabral de Mello (Neto)

Gatos da jornalista Deliberai,
não são animais concretos, nem felinos,
são mil amigos de sua simpatia

Aos seus gatos, Regina Deliberai
delega poderes e autonomia
para consultar, até, os dicionários

Se sofisticarem em computação
lerem os manuais de redação
para serem felizes nos telhados
e terem textos impressos nos jornais.

Poema integrante do livro (inédito) “Poéticas menores”

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...