Parceria Governo do Estado e Sistema S amplia acesso à qualificação técnica e profissional

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Indústria, Comércio, Minas e Energia (Sicme/MT), assinou na manhã desta sexta-feira (01.07), na sede da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt) – durante o encontro de dirigentes sindicais integrantes do sistema – uma série de convênios com vistas ao desenvolvimento e qualificação profissional. O governador em exercício Francisco Daltro destacou as ações do governo voltadas para o desenvolvimento da mão de obra e o que isso representa para o Estado de Mato Grosso.

A Sicme assinou convênios com a Uniselva da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) com objetivo de pesquisa na área de “hídricos de cana de açúcar e estudos fitotécnico” para desenvolvimento de novas espécies de cana de açúcar e na busca de melhoria genética. Com o Senai foi assinado o convênio para a realização do Programa Indústria em Ação 2011 e cursos de educação profissional dentro do Quali/MT. Com o Instituto Ação Verde, o convênio para “implantação de plataforma de negócios em bens e serviços ambientais e ecossistêmicos”.

O governador Chico Daltro disse que a “assinatura de convênios para qualificação de mão de obra para o mercado de trabalho é uma ação permanente do Governo do Estado”. Segundo Chico Daltro, “é uma determinação do governador Silval Barbosa de procurar cada vez mais atrair novos investimentos para o Estado de Mato Grosso. A parceria com o Sistema S (Sesc, Senai, Sesi) é uma das mais positivas pois possibilita o maior número de acesso a qualificação técnica e profissional”.

O secretário de Indústria, Comércio, Minas e Energia de Mato Grosso, Pedro Nadaf, destaca que “Mato Grosso passa por um processo de desenvolvimento muito grande e necessita de qualificar a mão de obra para atender essa demanda industrial. Em 2010, o Governo do Estado, com recursos próprios e por meio de parceria, qualificamos 75 mil trabalhadores”.

O presidente da Fiemt, Jandir Milan, disse que os convênios assinados têm uma importância muito grande, pois a qualificação profissional proporciona ganhos para todos, empreendedores e empregados.

A reitora da UFMT, Maria Lúcia Cavalli Neder, destacou que a universidade está estreitando as relações com o setor produtivo e o presente convênio é um exemplo disso. Ela disse que é preciso esse estreitamento, pois 90% das pesquisas nacionais acontecem dentro das universidades.

O deputado Carlos Avalone, presidente do Instituto Ação Verde, disse que o programa – resultado do convênio assinado – prevê a qualificação de empresários e trabalhadores nas áreas de administração para o novo momento que se apresenta envolvendo as questões ambientais.

Após assinatura de convênios, o governador em exercício participou do descerramento de placa do Espaço Buffet da Fiemt.

Fonte: Secom-MT

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...