Poesia do Dia: Estação

No desembarque
da estação final
todos acabam se reconhecendo
lembrando
do plano de fundo
sem contudo poder
frear e retroceder…

O que se pode
é esperar o novo trem
já-já vem apontando
na curva, atrás, sem atraso,
dos passageiros,
de almas prontas
pra outro embarque.

><>Da seleção “Poemas quase em preces”

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...