S. Carlos Gomes de Carvalho assume hoje a presidência da Academia Mato-grossense de Letras

Por João Bosquo | A inauguração da Biblioteca Therezinha de Jesus Arruda foi – digamos – a última atividade de Marília Beatriz de Figueiredo Leite já que hoje ela entrega o bastão ao acadêmico Sebastião Carlos Gomes de Carvalho, que assume a presidência para o biênio 2017 – 2019.

Gomes de Carvalho é autor de livros e ensaios nas áreas jurídica, de História, de literatura, ecologia, poesias e um reunindo estudos sobre Direito, Filosofia da História e Literatura. Também publica artigos em revistas de instituições como o Instituto dos Advogados Brasileiros (RJ), da Associação Catarinense do Ministério Público, da Revista de Cultura Vozes, (Rio de Janeiro), do Curso de Direito da Univ. Federal de Uberlândia (MG), da Editora Revista dos Tribunais, (São Paulo), além da revista do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso e da Academia Mato-Grossense de Letras.

Coordenou e editou a Coleção Obras Raras de Mato Grosso que reúne obras literárias (romances, contos e poesias) publicadas entre os anos de 1917 e a década de setenta. Todos esses livros se encontravam esgotados e esquecidos – incluindo aí o primeiro romance publicado por um autor nascido em Mato Grosso – e que, por suas importâncias para a história literária regional, foram reeditados a partir de 2008. Anteriormente fizera idêntico trabalho, coordenando e editando a Coleção Letras Mato-grossenses, série Poetas Contemporâneos, (com seis poetas), e dirigiu ainda a revista Monções. Ambas as iniciativas adotadas quando foi presidente da Fundação Cultural.

A solenidade de posse acontece às 19h30, na Casa Barão de Melgaço.

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...