Secretário Francisco Vuolo cobra prazos da Infraero

A Infraero, pela primeira vez desde a assinatura do Termo de Cooperação com o Governo de Mato Grosso, em março de 2011, não está cumprindo com o cronograma estabelecido para a reforma e ampliação do Aeroporto Internacional Marechal Rondon – VG.

O atraso da não assinatura do segundo convênio referente às obras definitivas de ampliação do terminal, incluindo o estacionamento podem comprometer os prazo de entrega das obras do Aeroporto. “A assinatura do convênio estava prevista inicialmente para o mês de abril deste ano, porém, este prazo foi prorrogado para o início do mês de maio, e infelizmente não ocorreu. Aguardaremos até o próximo dia 18 uma posição oficial da Infraero. Caso isso não ocorra, estaremos tomando as providências cabíveis para a solução desse impasse.” informa o secretário Extraordinário de Logística Intermodal de Transportes, Francisco Vuolo.

O motivo pela demora da não assinatura do último acordo, se deve ao fato da empresa do Estado da Bahia, Globo Engenharia, contratada pela Infraero, não ter entregue o projeto até o presente momento. Segundo Francisco Vuolo, a Infraero alega que está encontrando dificuldades com empresa baiana. Ele espera que a Infraero tome providências legais para que a Globo Engenharia cumpra os prazos estabelecidos no contrato. “Sem esse projeto o Governo de Mato Grosso poderá ter comprometido o cronograma para a realização da licitação e conseqüente emissão da ordem de serviço. Não podemos ficar reféns de empresas descompromissadas com o interesse coletivo. Naquilo que for necessário faremos todo esforço para contribuir e concluir essa importante etapa.”, enfatiza Vuolo.

Vuolo é taxativo em dizer que o Estado, assim que percebesse qualquer possibilidade de atraso nas obras do Aeroporto Marechal Rondon, seria o primeiro a se manifestar. “Mesmo sendo da Matriz de Responsabilidade do Governo Federal, o aeroporto é tratado pelo governo Silval Barbosa como prioridade, inclusive firmamos um acordo com a Infraero no sentido de somar esforços para cumprir os prazos exigidos pela FIFA. Dessa forma, estamos atentos a todos os andamentos relacionados às obras.”

O Secretário salienta ainda, que no acordo firmado entre Governo do Estado e Infraero, duas das três etapas estão dentro dos prazos previstos, são elas: a construção do MOP – Módulo Operacional, cuja entrega ocorreu em novembro de 2011 e as obras de demolição e construção do novo prédio administrativo da Infraero que estão em fase de execução e tem a sua conclusão e entrega previstos para setembro deste ano. “Resta agora a assinatura do último convênio que garantirá a licitação e autorização para as obras definitivas de ampliação do terminal do Aeroporto Marechal Rondon, cujo prazo final para entrega será em dezembro de 2013.”

Fonte: Secom/MT

Share Button