Silval Barbosa assina convênio para construção da terceira etapa do novo Aeroporto Marechal Rondon

Maquete da futura Fachada do Aeroporto Internacional Marechal Rondon

O governador Silval Barbosa irá assinar convênio para construção da terceira etapa da reforma e ampliação do Aeroporto Internacional Marechal Rondon, nesta terça-feira (03.07), às 17horas, na sede da Infraero em Mato Grosso, com a presença do presidente da Infraero, Gustavo do Valle, e diretores técnicos. O convênio a ser assinado é de aproximadamente R$ 80 milhões, para construção e ampliação da área definitiva de embarque e desembarque.

Silval Barbosa, para enfatizar a importância dessa obra para a economia de Mato Grosso, colocou o tema como destaque do “Bom Dia Governador”, programa de rádio, veiculado no portal mt.gov.br.

O governador lembrou todo o processo de pelo qual o Marechal Rondon vem passando. A primeira etapa foi a construção do Módulo Operacional Provisório (MOP), que já está funcionando com duas esteiras. Em seguida, foi assinado o convênio para as obras da parte administrativa, que vem sendo executado dentro do prazo e brevemente será entregue, o que possibilitará a demolição da atual área, que dará lugar ao novo prédio de embarque e desembarque.

Além da área de embarque e desembarque, destacou Silval, vai se preparar a nova fachada e, principalmente, modernizar e ampliar o novo estacionamento, que estará integrado ao novo modal, VLT, que também será construído pelo governo do Estado. “Vamos ter, realmente, um aeroporto moderno para podermos receber os turistas que passam por Mato Grosso”, enfatizou.

Silval ressalta a importância dessa obra para a economia de Mato Grosso. Ele cita os números – que muitas vezes não são de conhecimento do grande público – mas que revelam o porquê da cobrança dos diversos segmentos para ampliação do Aeroporto. Em 2008, passaram pelo Aeroporto Marechal Rondon mais de 860 mil passageiros, enquanto em 2011, foram mais de 2,6 milhões. Após a conclusão, o Aeroporto  terá uma capacidade para receber 5,7 milhões de passageiros ano.

“Mato Grosso cresce, Mato Grosso desenvolve; a economia está indo muito bem e o agronegócio está em plena expansão. Acontecem seminários, fóruns, eventos que têm fomentado esses números. Os turistas continuarão visitando o nosso Estado e precisamos, como já disse, de um Aeroporto moderno”, destaca.

A assinatura do convênio acontece somente agora, após a conclusão do projeto arquitetônico e executivo contratado pela Infraero, e a abertura de concorrência será feita pela Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo Fifa 2014 (Secopa). O prazo de conclusão da obra é dezembro de 2013.

Fonte: Secom-MT

Share Button