Somos iguais?, poema de João Bosquo

Ah!, se fôssemos perfeitos
Não estaríamos aqui
Como os não eleitos

Se perfeitos fôssemos
Estaríamos noutro plano
Corpo, matéria desfeitos
Sem tanta dor de sentir
Sentimentos de doer o coração.

 

><>Da coleção “Tempos e Temperos”

Share Button

João Bosquo

João Bosquo, poeta e jornalista, editor deste blogue NAMARRA.COM.BR nas redes sociais: @joaobosquo

Você pode gostar...