Antônio Sodré será homenageado em evento no dia 19 com sugestivo título de Showdré

Da Assessoria | A Secretaria de Estado de Cultura e um grupo de artistas voluntários irão realizar um tributo ao poeta, cantor e artista transversal Antônio Sodré, no dia 19 de fevereiro, na Casa Cuiabana. O assunto foi tratado durante reunião, na tarde desta sexta-feira (26.01), na sede da Secretaria de Estado de Cultura. O show, que contará com exposição, sarau, performance,

Share Button
Continue lendo

Teatro de Mato Grosso nunca mais será o mesmo sem Luiz Carlos Ribeiro

Morte do mítico ator de Rio Abaixo, Rio Acima, de Gloria Albuês, está sendo chorada por seus amigos, colegas e admiradores Por João Bosquo | Luiz Carlos Ribeiro não está mais em carne e osso entre nós, no entanto permanece, pois permanecer é a sina de todo grande artista, na memória coletiva de sua gente de seus amigos, afetos e –

Share Button
Continue lendo

Sarau Literário em Santo Antônio de Leverger reúne poetas vivos

O evento aconteceu na última quinta-feira, 7, no Centro Comunitário da Igreja Matriz, uma promoção da E.E. Faustino Amorim, com coordenação da professora Kelly Carvalho Por João Bosquo | O sarau literário-musical “Com a Palavra” em Santo Antônio de Leverger, na última quinta-feira, 07, realizando no salão paroquial da Igreja Matriz abriu com a belíssima apresentação do Coral Arte Cidadã, uma

Share Button
Continue lendo

Posse de Aclyse Mattos na AML foi uma noite de poesia

A festejada solenidade teve Casa Barão com lotação esgotada, tanto que muitos assistiram de pé Por João Bosquo e Enock Cavalcanti | A solenidade comandada pela professora Marilia Beatriz Figueiredo Leite, que está se despedindo do cargo de presidente, fechou com chave de ouro sua temporada à frente da Academia Mato-grossense de Letras , marcada pela ‘interminável’ reforma da Casa Barão

Share Button
Continue lendo

Aclyse Mattos, a partir de hoje, é novo imortal mato-grossense

A posse do novo acadêmico acontece em noitada de gala na Casa Barão de Melgaço Por João Bosquo | Aclyse Mattos. O escritor, poeta e professor universitário, Aclyse Mattos, que toma posse nesta terça-feira, 12, como membro da Academia Mato-grossense de Letras, já era para estar usando pelerine de acadêmico desde 2015, ainda na presidência de Eduardo Mahon. A eleição,

Share Button
Continue lendo

Eduardo Mahon lança livro e João Gordo estreia filme nesta terça, 1 de agosto

O livro é “Contos Estranhos” e o filme é “O Poder da Palavra” que movimentam, nesta terça-feira, o Cine Teatro O lançamento… Ops, o ciclo de lançamento do livro “Contos Estranhos”, de Eduardo Mahon, se encerra neste dia primeiro de agosto, terça-feira, com um evento no Cine Teatro Cuiabá, quando também (além dos autógrafos, tête-à-tête do escritor e o seu

Share Button
Continue lendo

O Conselho Municipal de Cultura da Cuiabá 300 será escolhido dia 10, segunda-feira

Enquanto a escolha do Conselho Estadual segue enrolada, em Cuiabá a classe artística elogia a transparência e a agilidade do processo Por João Bosquo | A Eleição para o Conselho Municipal de Cultura de Cuiabá caminha para ser uma eleição exemplar. Nada de confusão, nada de não entendi o edital, nada de nada que possa sofrer correções que não corrigem o

Share Button
Continue lendo

O lugar de tudo é em Marília Beatriz e o lugar de Marília Beatriz é na literatura mato-grossense pela eternidade – Por Eduardo Mahon

Viva, Marília Beatriz! Por Eduardo Mahon | A gestão de Marília Beatriz vai se despedindo com galhardia. Soma mais um troféu valioso para a literatura mato-grossense: a eleição de Aclyse Mattos. Nossa presidente merece o nosso aplauso. Não foi fácil. A responsabilidade, no caso dela, foi redobrada por uma tripla coincidência: Gervásio Leite, o poeta, jornalista, cronista, educador, deputado e

Share Button
Continue lendo

Festa na Academia Mato-grossense de Letras: Aclyse Mattos é eleito para a cadeira 3

A escolha do novo acadêmico aconteceu neste sábado, 17, em reunião da entidade na Casa Barão de Melgaço Aclyse Mattos, eleito para a cadeira 3 da Academia Mato-grossense de Letras,  se auto define como poeta nas horas cheias e professor nas horas vagas. Calcular essas horas, se elas são mais cheias ou mais vazias, não tem como. Não existe uma

Share Button
Continue lendo