Festa Literária de Pirenópolis terá Encontro de Ilustradores

Alana Gandra Rio de Janeiro – Uma iniciativa inédita entre as festas literárias nacionais será o 1º Encontro de Ilustradores que a Festa Literária de Pirenópolis (Flipiri) promove este ano. A Flipiri será aberta no próximo dia 27 e terá como tema Literatura e Imagem. Serão homenageados  o ilustrador e autor Roger Mello e o artista plástico Pérsio Forzani. A

Share Button
Continue lendo

Festa Literária de Porto Alegre homenageia o escritor Cristovão Tezza

por Alana Gandra Rio de Janeiro – Começa hoje (10) à noite, em Porto Alegre (RS), a sexta edição da Festa Literária de Porto Alegre (FestiPoa Literária), que se estenderá por dez dias para  divulgar obras de autores de língua portuguesa e espanhola. O homenageado da FestiPoa 2013 é o ficcionista Cristovão Tezza. Seu romance Bravo! venceu em 2008 os prêmios Jabuti

Share Button
Continue lendo

Funarte e Biblioteca Nacional lançam editais de criação e de circulação literária

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) e a Fundação Biblioteca Nacional (FBN) lançaram hoje (28) oficialmente as bolsas de criação literária e de circulação literária Fundação Biblioteca Nacional / Funarte . A Bolsa Fundação Biblioteca Nacional / Funarte de Criação Literária tem como objetivo promover o desenvolvimento de projetos de criação de romances, contos, crônicas, novelas e poemas. A Bolsa Fundação Biblioteca Nacional

Share Button
Continue lendo

“Função da literatura é encantar crianças e contar histórias”, diz Miguel de Sousa Tavares

Alex Rodrigues “A função primeira da literatura é encantar crianças e contar histórias”. Foi desta forma que o escritor e jornalista português Miguel Sousa Tavares definiu, na 1ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura, que acontece em Brasilía (DF), sua visão pessoal sobre a finalidade da literatura. Para o autor de Rio da Flores, No Teu Deserto e Equador

Share Button
Continue lendo

“Sinto quase que um dever patriótico não abandonar Portugal”, diz Miguel Sousa Tavares

Alex Rodrigues O escritor português Miguel Sousa Tavares admitiu nesta sexta-feira,20, ter planos de viver no Brasil. Seu projeto era mudar-se ainda este ano, mas a grave crise econômica que seu país enfrenta o fez repensar. “É um projeto sobre o qual ainda não me decidi. Planejava me mudar na metade deste ano e viver metade do ano no Rio

Share Button
Continue lendo

“Falta, no Brasil, um grande escritor capaz de se comunicar com a nova geração”, diz editor

Alex Rodrigues Berço de grandes autores como Machado de Assis, Jorge Amado, Guimarães Rosa, Clarice Lispector e Cecília Meirelles, o Brasil e o mercado editorial brasileiro aguardam pelo surgimento de um escritor contemporâneo capaz de dialogar com a nova geração. A opinião é do editor Júlio Silveira, 40 anos, um dos participantes do debate Como Ampliar o Consumo do Livro

Share Button
Continue lendo

Poetisa angolana aponta pouco intercâmbio literário entre países africanos

Alex Rodrigues Convidada a participar do seminário A Literatura Africana Contemporânea, que integra a programação da 1ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura, em Brasília, a poetisa e historiadora angolana Ana Paula Tavares cobrou que governos e instituições privadas assumam um papel mais ativo na divulgação da literatura africana, sobretudo a produzida em países de língua portuguesa. Ana Paula

Share Button
Continue lendo

Universo de magia e brasilidade de Jorge Amado é tema de exposição em São Paulo

Daniel Mello Em uma noite de tempestade, Quincas Berro D´Água desapareceu no mar da Bahia. Com esse final, o personagem concretizava sua proposta enigmática -“Cada qual cuide de seu enterro, impossível não há”. Presentes não só em A Morte e a Morte de Quincas Berro D´Água, como em tantos outros livros de Jorge Amado, a mística e a beleza do

Share Button
Continue lendo

Autor cabo-verdiano estimula brasileiros a conhecer a obra de seu país

Alex Rodrigues Um dos maiores expoentes da literatura cabo-verdiana, embora pouco conhecido pelo público brasileiro, o escritor Germano de Almeida convidou os brasileiros a conhecer a produção literária de seu país. Um dos presentes no seminário A Literatura Africana Contemporânea, que integra a programação da 1ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura, em Brasília, Almeida afirmou que Cabo Verde

Share Button
Continue lendo

Milton Hatoum critica especulação imobiliária e dá dicas de como escrever bem durante bienal de Brasília

Alex Rodrigues O romancista Milton Hatoum criticou a descaracterização urbanística das metrópoles brasileiras durante palestra, deste domingo (15.04), na 1ª Bienal do Livro e da Leitura. “É um crime o que aconteceu com as nossas cidades”, destacou Hatoum, que é arquiteto de formação. “A Manaus da minha infância já não existe mais. Nem a Brasília que eu conheci em 1968”,

Share Button
Continue lendo

Literatura marginal ganha espaço e conquista leitores, principalmente jovens

Daniella Jinkings Como um retrato autêntico da vida nas periferias brasileiras, a literatura marginal vem ganhando espaço e conquistando leitores, principalmente os jovens. “A literatura que eu escrevo vem de ruas que os anjos não frequentam, de pessoas que não têm voz”, diz o poeta Sérgio Vaz, referindo-se à expressão literária e estética da periferia. O tema foi destaque de

Share Button
Continue lendo

Exposições enriquecem Bienal do Livro e da Leitura de Brasília

Paralelamente aos livros, escritores e lançamentos da Bienal do Livro e da Leitura de Brasília, a visão, sentimento e memória também podem ser despertados por meio de exposições na própria bienal e em museus próximos ao evento. Exposições que vão das artes plásticas multimídia, passando pela história do educador Paulo Freire, os desenhos de Ziraldo até o acervo histórico do

Share Button
Continue lendo

Somos iguais?, poema de João Bosquo

Ah!, se fôssemos perfeitos Não estaríamos aqui Como os não eleitos Se perfeitos fôssemos Estaríamos noutro plano Corpo, matéria desfeitos Sem tanta dor de sentir Sentimentos de doer o coração.  

Share Button
Continue lendo