Tag: poesia

Uma imitação de soneto: Anjo de Cara Amarrada

Uma imitação de soneto: Anjo de Cara Amarrada

Não vi o anjo de cara amarrada. Só vi o anjo (Não era pescador) Navegava na flor Pelos rios do Pantanal Os peixes seguiam Esse anjo em sua barca rosa As flores pantaneiras são...

Uma imitação de soneto: Manga Madura no Quintal

Uma imitação de soneto: Manga Madura no Quintal

O amarelo Não é uma cor, apenas cor, Vai além do horizonte E acompanha o morrer do sol O amarelo Quando chega, de manhã cedinho, Provoca espantos, o galo canta… O amarelo, vê, é...

Uma imitação de soneto: A poesia escondida

Uma imitação de soneto: A poesia escondida

A poesia, enquanto poesia, Se esconde em nós Ou se esconde de nós? Eis a interrogação Que se faz quando Se olha para o azul O azul da cor Do céu furta-cor Do olhar...

Uma imitação de soneto: Minha Poesia ao Léu

Uma imitação de soneto: Minha Poesia ao Léu

Minha poesia não é só minha. Ela também é de quem a lê e se sente enlevado por ela. Sente que as palavras escritas – desta maneira ou estilo – é o jeito de...

Hoje, 8 de abril, comemora-se os 300-2 anos de fundação de Cuiabá

Hoje, 8 de abril, comemora-se os 300-2 anos de fundação de Cuiabá

Cuiabá entre Leds Andar pelas ruas da Cuiabá antiga em dias de agora Já não trazem sentimentos, destarte ser cuiabano Do século antigo, também conhecido como século XX, De como quando morador daquelas outras...

Uma imitação de soneto: Os Navegantes

Uma imitação de soneto: Os Navegantes

Quando os ingleses saíram para pescar Os mares já estavam cheios de tubarões De outros tubarões Quando os espanhóis saíram para descobrir Os mares já estavam coalhados de navios E aí vieram os franceses

Uma imitação de soneto: Drible Personalizado

Uma imitação de soneto: Drible Personalizado

São poucos os que detêm drible personalizado E permanecer cristalizado na memória do torcedor Até dos menos fanáticos por futebol, como eu… A invenção do drible é maravilhosa… E ação política de evitar a...

Uma imitação de soneto: Poesia Curta Metragem

Uma imitação de soneto: Poesia Curta Metragem

Minha poesia é curta, pouca inteligência à mostra, poucos centímetros de um decassílabo e sobrevive apenas uma década A sobrevida dos versos, no papel ecológico, é menor ainda que na web escritos na memória

Uma imitação de soneto: Dentro e Fora do Universo

Uma imitação de soneto: Dentro e Fora do Universo

Na exata hora, o segundo tempo acaba e lê-se o placar final E ficamos sabendo qual o resultado de tudo no século findo E quais as perspectivas para o dia seguinte que se iniciou...

O Buraco – um poema de João Bosquo

O Buraco – um poema de João Bosquo

De quem é este buraco? Alguém tem que se responsabilizar Está tomando proporções enormes e ninguém sabe a extensão exata onde começa, onde termina Se é que tem um começo, meio e fim De...

Língua Portuguesa – uma imitação de soneto

Língua Portuguesa – uma imitação de soneto

Nada é perfeito como a língua que falamos No dia a dia de nosso cotidiano claro-escuro Cheio de obstáculos para os sentimentos Guardados a sete chaves nas artérias do coração Nada é mais imperfeito...

Uma imitação de soneto: Cinco de Fevereiro

Uma imitação de soneto: Cinco de Fevereiro

É vero, estou ficando velho, reconheço Estou deixando para traz a mocidade Os nervos não estão à flor da pele Como antes, nem no endereço prometido Estou ficando plenamente velho… Amanhã ou depois de...

Camisa Nove – uma imitação de soneto

Camisa Nove – uma imitação de soneto

O camisa nove se despede com gols perdidos… Os lances não se materializaram Nenhum gol perfeitizou as jogadas Embora não sejam inúteis, ao contrário… O camisa nove se despende com gols lembrados Memoráveis gols...

Hoje é aniversário de Milena, minha neta, filha de Cessa Lenine

Hoje é aniversário de Milena, minha neta, filha de Cessa Lenine

MILENA Assusta, Milena O novo ano O novo século O novo milênio Chamam por você Está tão criança E ainda bem separou Do cordão umbilical materno E és chamada à nova aurora Assusta, Milena...

Uma imitação de soneto: Reciclagem Poética

Uma imitação de soneto: Reciclagem Poética

Velhos poetas, cabeças brancas, recitam As poesias e poemas se reverenciam… Andar pela memória é um caminhar pedregoso Se ela, pois, revela as antigas hesitações Velhos, claro, não hesitam tanto quanto jovens Quando na...

Poema de Pablo Thiago: cuyaba revisited

Poema de Pablo Thiago: cuyaba revisited

li dicionários em latim procurei verbetes em alemão visitei através de mapas paris para decifrar um poema se o iroquês está com pele de lobo pinga sangue e do alto dos prédios está o...

Todos os Poemas que Busco – uma imitação de soneto de João Bosquo

Todos os Poemas que Busco – uma imitação de soneto de João Bosquo

Todos os poemas, os quais busco Dentro e fora de minha alma, Não são lidos, nem lindos, mas Meros versos nos quais escrevo: Só Só escrevo poemas vasculhados Pelo sentir desembrulhados Dos olhos abertos...

O Quintal na Memória – uma imitação de soneto de João Bosquo

O Quintal na Memória – uma imitação de soneto de João Bosquo

De onde estou, mesmo em movimento, Vejo a manga madura no quintal A fruta da mangueira no quintal Da casa de minha vó A casa já não existe O próprio terreno As hortas, o...

Exposição sobre centenário de Manoel de Barros no espaço do Ganha Tempo em Cuiabá

Exposição sobre centenário de Manoel de Barros no espaço do Ganha Tempo em Cuiabá

Da Assessoria – O primeiro mês do ano de 2016 conta com uma programação especial para a população, no Ganha Tempo de Cuiabá. Desta terça-feira (03.01) até o dia treze de janeiro, o Ganha Tempo, em...

Café do Ano Novo

Café do Ano Novo

Estou aqui. Bebi o café quente do ano novo, Lembrei-me de pessoas e dum livro de poemas lidos Quando queria ficar triste, mas alegre permaneci Olhando para fora da janela do próprio tempo  ...

Ano Novo se Repete, também se Renova

Ano Novo se Repete, também se Renova

O ano novo começa em primeiro de janeiro E os anos, desde antes de nós, tem doze meses… Os meses são os mesmos, os eventos reprisam Em primaveras, verãos, outonos e invernos… Tudo se...

Amanhã é Outro Dia Doutro Ano

Amanhã é Outro Dia Doutro Ano

Amanhã, as mesmas horas, é outro dia, outro mês E, sem esquecer, outro ano de nossas vidas Com o novo ano que começa novos projetos Outros planos de recomeçar tudo outra vez Sem querer...

Há Natal e Há Natais

Há Natal e Há Natais

A Glorinha Albuês Existe, sim, um natal diferente do nosso. Diferente de tudo aquilo que podemos apossar com nossos olhos vorazes, dentro de uma casa que difere de outras tantas casas de uma cidade....

A Paz Divina Vai Chegar, não Agora

A Paz Divina Vai Chegar, não Agora

Não temos como fugir e deixar de sermos sós Embora queiramos parecer diferentes Ao menos no Natal, quando se comemora O nascimento do Menino Jesus entre nós Queremos, todos, voltar para a pátria Celestial,...

O Espírito de Natal chega no dia de Natal

O Espírito de Natal chega no dia de Natal

O espírito de Natal chega perto da data de Natal E se instala dentro da gente, mesmo sem querer, E ficamos meio, como que bobos, desejando A todos, independente de quem, Feliz Natal Feliz...

Eu vi o cachorro sorrindo – uma imitação de soneto de João Bosquo

Eu vi o cachorro sorrindo – uma imitação de soneto de João Bosquo

Quando vi o cachorro sorrindo pra mim Não acreditei, mas pensei: hoje é um dia de sorte! Não são todos os cachorros que sorriem E mesmo aqueles que riem, sorriem, Não riem toda hora,...

Um Poeta Disse Bom Dia… – uma imitação de soneto de João Bosquo

Um Poeta Disse Bom Dia… – uma imitação de soneto de João Bosquo

Um poeta chegou bem cedo, ao despertar, Pediu benção a Deus e disse bom-dia, Dia Era um dia de acordar bem cedinho Pra ouvir Deus nos pipios dos passarinhos Quando Deus nos fala sua...

Em Memória do Adeus à Ferreira Gullar – Poema de João Bosquo

Em Memória do Adeus à Ferreira Gullar – Poema de João Bosquo

Existe, repara, uma hora dentro do minuto e um segundo, às vezes, é maior que o domingo… Saio de casa, vou à feira e caminho até descansar sentado num banco de uma praça perdida...